InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Prêmio Grunnion e estudiosos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Dumbledore
Admin
avatar

Mensagens : 221
Idade : 117

MensagemAssunto: Prêmio Grunnion e estudiosos   Qui Nov 01, 2012 6:17 pm

Prêmio Grunnion
Alberic Grunnion foi o inventor da Bomba de Bosta, uma pequena travessura amada por jovens bruxos de todo mundo que trouxe muito dinheiro, para ele e sua família. Um dia seu neto leu no Profeta Diário que um jovem tinha ido para o St. Mungus por causa de uma bomba de bosta malfeita. Por isso resolveu usar a grana da família para criar uma forma de premiar aqueles bruxos que realmente mereciam, e assim foi criado o Prémio Grunnion em 2015.

Anualmente, é dado um milhão de galeões nas mais diversas áreas do conhecimento mágico, e é escolhido por intuições diferentes. Elas são:

Grunnion de Feitiços (decidido pelo Departamento de Magia da Universidade Sileas)
Grunnion de Alquimia e Poções (decidido pela Academia Alquimista da College of LaAndorie Norman)
Grunnion de Medibruxaria (decidido pela Instituição St. Mungus)
Grunnion de Literatura (decidido pelo Conselho Especial dos Diretores de Escolas de Magia)
Grunnion da Luz (decidido por um comitê designado pela Confederação Internacional da Magia)

O Prêmio Grunnion é concedido sob várias condições: pode ser ganho individualmente ou repartido entre até três bruxos no máximo, ou pode não ser concedido em determinado ano, o que permite a concessão de dois prêmios da mesma categoria no ano seguinte. Além disso, o prêmio em determinado campo pode não ser concedido por um ano ou mais - o que ocorre mais frequentemente com o Grunnion da Paz.

Prêmio Alguff de Magieconomia em Memória de Alberic Grunnion

Em 2018, os duendes dos Bancos Gringotes instituiram o "Prêmio Alguff de Magieconomia em Memória de Alberic Grunnion", incorretamente referido como "Prêmio Grunnion da Economia". Na verdade, esse prêmio não tem ligação com Alberic Grunnion, não sendo pago com o dinheiro privado da Fundação Grunnion, mas com dinheiro público do banco Grigotes. A frase estratégica em memória de Alberic Grunnion é a causadora da confusão, e a família Grunnion não aceita o prêmio como tal.

Alguns Vencedores de cada Prêmio:

Grunnion da Medibruxaria
2022 - Christine von Monstein Grindelwald (Pela descoberta de um tratamento efetivo para Coma Pós-Crucius)

Grunnion da Literatura
2017 - Gilderoy Lockhart (Pelo seu livro "Era uma vez o Sorriso mais Atraente")
2022 - Ludovico Tognini (Pelo seu livro "Eles não sabem pronunciar Ruvkegilli")

Grunnion da Luz
2015 - Harry James Potter (Por sua extensa biografia como um dos maiores heróis da história bruxa)
2016 - Hermione Granger Weasley (Por seu combate pelos direitos iguais aos seres fantásticos, principalmente elfos-domésticos)
2020 - Matt McGonagall (Por unir politicamente os ministérios da magia da Europa diante da crise econômica de Gringotes)
2027 - Médi-bruxos sem Fronteiras (Pelos serviços prestados nas Guerras das Trevas na Europa Oriental)


Última edição por Dumbledore em Qui Nov 01, 2012 7:01 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://wwpedia.forumeiros.com
Dumbledore
Admin
avatar

Mensagens : 221
Idade : 117

MensagemAssunto: Re: Prêmio Grunnion e estudiosos   Qui Nov 01, 2012 7:01 pm

Alguns estudiosos do passado:

Antes do prêmio houve vários bruxos que merecem ser lembrados pelos seus estudos.

Adalbert Waffling (1899-1891) – Teórico da Magia. Escreveu vários livros nas mais diversas áreas da magia.

Albus Percival Wulfric Brian Dumbledore (1881-1997) – Foi professor de transfiguração e diretor de Hogwarts, mas suas pesquisas foram para o lado das propriedades mágicas do sangue de dragão, na qual descobriu 12 utilidades.

Auroleus Phillipus Theophrastus Bombastus von Hohenheim (1493—1541) – Grande na área da alquimia, mas também fez estudos na área médica. É creditado à ele a descoberta da língua das cobras.

Bridget Wenlock (b. 1202—1286) – Estudiosa da Aritmancia, sendo a responsável em descobrir as propriedades mágicas do número 7.

Cornelius Agrippa (1486—1535) – Um dos maiores bruxos de todos tempos. Estudioso na propriedade mágica das coisas mudanas. Perseguido por outros bruxos, muitos dos seus inventos estão sumidos como a Orbe de Luz e o Vira-Tempo Efetivo.

Dzou Yen (305 a.C - 240 a.C) - Grande bruxo alquimista chinês.

Gondoline Oliphant (1720-1799) – Estudioso sobre a vida e habitats dos trasgos.

Ignatia Wildsmith (1227—1320) – Estudiosa na área de herbologia, foi através de um estudo com uma planta específica que descobriu o Flu.

Miranda Goshawk (1921-2008) – Uma das bruxas mais respeitadas no mundo em diversas áreas, principalmente sobre feitiços e herbologia. Escritora das séries de livros: “O Livro Padrão de Feitiços”, “Enciclopédia de Herbologia” e “Qual Coruja?”.

Ptolomeu ( 85 a.C. – ?) – Famoso bruxo estudioso na área de geografia e astronomia. Foi bruxo grego mas viveu entre os egípcios onde desenvolveu seus estudos.

Newton Artemis Fido "Newt" Scamander (1897—1992) – Mais famoso Magizoologista do século XX. Escritor do livro “Animais Fantásticos e o Habitat onde vivem”, o maior best seller na área.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://wwpedia.forumeiros.com
 
Prêmio Grunnion e estudiosos
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: Mundo :: Vida bruxa-
Ir para: